Wiki The King of Cartoons
Advertisement

Vampiro (バンパイア Banpaia) é uma raça de criaturas místicas da noite, conhecidas como uma das mais poderosas do submundo junto dos Anjos Caídos e alguns tipos avançados de Demônios.

Eles são os principais antagonistas de Castlevania e outras franquias.

História e Características

Vampiros são seres sobrenaturais, mortos-vivos, cujas origens vêm do folclore eslavo e do mundo antigo. Acreditando ter se originado dos cadáveres reanimadores de almas inquietas dos mortos, hereges da religião estabelecida, usuários da magia negra, ou até mesmo aqueles que venderam suas almas para ser o encarnado de deuses e devas sombrios, eles são conhecidos por se banquetearem do sangue de seres vivos, são dotados de poderes sombrios, como proezas físicas sobre-humanas, metamorfose, fuga, teletransporte, eletrocinese, pirocinese e imortalidade. Eles são capazes de conceder vampirismo a outros alimentando seu próprio sangue para suas vítimas, e só podem ser mortos pela luz solar, com itens ungidos e sagrados, ou destruindo seus corações.

Com o tempo os Vampiros ganharam certas características novas em suas participações em diversas mídias. A mais nítida foi deixar de lado suas características como Mortos-vivos para serem interpretados mais como uma "raça" de seres vivos (Embora ainda imortais) sobrenaturais. Isso deu margem para a possibilidade dos Vampiros poderem se relacionar com outros seres vivos como os Humanos e dar origem a híbridos conhecidos como Dhampir. De fato, os vampiros são completamente capazes de se reproduzir com humanos por serem 100% compatíveis (Justamente pela maioria dos Vampiros já terem sido humanos em algum ponto, apenas sendo vítimas de Vampirismo).

Vampiros são capazes de se transforma em diversos tipos de criaturas, porém, eles são mais conhecidos por virarem morcego (Animal símbolo da espécie), já que por ambos terem características similares, foi desenvolvido uma grande afinidade.

Um vampiro não terá seu reflexo em um espelho. Muitos dizem que isso é símbolo da falta de sua alma (Uma afirmação que até de certa forma contradiz a fraqueza ao alho), já outros falam que isso simboliza o vampiro ter rejeitado sua natureza humana.

Eles são conhecidos por fazerem diversas vítimas bebendo seu sangue. A alimentação por sangue está tão interessada nos vampiros, que em muitos casos, eles são mostrados com uma grande dependência e vicio, ficando mais agitados ou fracos caso fiquem sem beber sangue por muito tempo. Embora alguns parecem ser capazes de resistir a isso.

Apesar da leve mudança física ao se tornar um vampiro, membros dessa raça podem sofrer mutação para sua "verdadeira forma", muito mais ligada aos demônios. Se tornando criaturas monstruosas que podem ter aparência variada.

Vampirismo

Vampirismo é o "estado" ou "doença" que o Vampiro transmite para outro ser vivo ao beber seu sangue, a vítima posteriormente irá se transformar em um vampiro também.

A mutação não é imediata e pode levar um tempo até a pessoa se transformar em um vampiro, embora esse tempo varie muito de acordo com a força de vontade da vitima.

Mesmo após se transformar em um vampiro, a pessoa ainda pode ser curada. Mas para isso é necessário matar o vampiro responsável pela mordida. Se um vampiro morrer, suas vítima voltarão a se tornar humanas. Em alguns casos, isso só funciona nos primeiros dias, semanas ou meses (O tempo é bem inconsistente) que a vítima se tornou vampiro. Se demorar muito, a vítima será um vampiro para sempre, independente se o vampiro responsável pela mordida for morto. Fazendo com que a morte seja a única "cura" restante para a vítima.

Existem formas alternativo de cura para um Vampiro, geralmente artefatos ou magias de natureza divina. Embora elas sejam bem raras.

Quando uma pessoa se torna um vampiro, geralmente sua pele fica mais clara, seus caninos crescem e seus olhos podem mudar para um tom de vermelho. Não somente afetando seu corpo mas sua alma também, a natureza humana da vítima é imediatamente substituída por uma natureza mais sombria dos vampiros, praticamente substituindo toda a luz em seu coração em trevas. Em certos casos, dependendo da força de vontade, natureza e personalidade da vítima, muito de sua personalidade humana pode acabar sendo mantido em sua transformação, não se deixando levar completamente pela natureza maligna de um vampiro.

Fraquezas

Os vampiros apesar de criaturas poderosas, possuem diversas fraquezas.

Uma delas é sua intolerância ao alho. O alho é conhecido por sua propriedade de repelir almas, principalmente de retornarem ao seu corpo. Antigamente o alho (Conhecido por seu cheiro forte) era usado para disfarçar o mal cheiro de corpos falecidos, como Vampiros antigamente eram classificados como Mortos-vivos, era de se esperar que a permanência de suas almas em seu corpo fosse extremamente instável e, portanto, muito afetado por alhos que ao se aproximar, começava a expulsar suas almas do corpo. O alho na realidade servia como fraqueza não só para vampiros mas para várias criaturas da noite como demônios, lobisomens, zumbis... Porém nas interpretações atuais essa fraqueza se tornou exclusiva dos vampiros (Ironicamente, mesmo perdendo o status de morto-vivo), por outro lado, Zumbis que ainda são mortos-vivos também perderam essa fraqueza, efetivamente fazendo com que a intolerância ao alho perdesse seu significado antigo como algo que podia espantar almas.

Vampiros, como seres das trevas, são fracos contra a Luz e qualquer artefato de significado divino. Os mais conhecidos são a cruz e a água benta. Na verdade eles são até mesmo incapazes de viver sob a luz do sol, que pode desintegra-los por completo, efetivamente os tornando criaturas noturnas.

Água Benta não é a única água relacionada a fraqueza dos vampiros, como eles também são ditos incapazes de lidar com água corrente (Embora essa fraqueza é mais conhecida nos países orientais).

O método mais popular para exterminar vampiros é enfiar uma estaca (Geralmente de madeira) em seu coração. Muitas vezes é necessário um tipo de madeira específica, geralmente alguma ligada ao cristianismo, novamente voltando ao ponto de que Vampiros são fracos contra artefatos de significado divino.

Dhampir

Dhampir (ダンピル Danpiru) são vampiros híbridos (Geralmente com humanos). Embora seu poder sobrenatural e afinidade com as trevas diminua consideravelmente se comparado a um Vampiro completo, Dhampirs possuem suas vantagens.

A natureza humana de um Dhampir efetivamente o deixa livre da grande maioria das fraquezas que um vampiro possui (Alho, Cruz, Água Benta, Luz do sol...), embora algumas ainda parecem permanecer (Intolerância a água corrente). Um Dhampir até mesmo pode usar o elemento luz de forma efetiva, o que indica que a luz não rejeita um Dhampir da mesma maneira que rejeita um vampiro ou qualquer outra criatura das trevas.

A natureza humana de um Dhampir não o afeta após completar 18 anos, mantendo a possibilidade de ser imortal. Além disso Dhampirs não são afetados completamente pela natureza de um vampiro, podendo escolher livremente o caminho de um vampiro ou de um humano.

O filho de um Dhampir com um humano será completamente humano novamente, embora terá uma grande afinidade mágica e sobrenatural (Que pode ser passada para os futuros descendentes).

Trívias

  • Vampiros não somente são criaturas das trevas de alto nível, como também tiveram uma grande popularidade até o começo dos anos 2000. Porém sua popularidade foi sendo substituída até os dias de hoje pelos Zumbis.
    • A explicação para isso era não somente a popularidade que Resident Evil trouxe ao Zumbis, como também ao fato de que obras como Crepúsculo e Vampire Diaries deram uma imagem mais caricata, imatura e sugestiva aos vampiros, efetivamente tornando-os motivo de chacota e consequentemente diminuindo sua popularidade. Ainda assim eles continuam com certa popularidade e respeito em franquias como Castlevania.

Todos os itens (7)

Advertisement