Wiki The King of Cartoons
Advertisement
Seiya
Seiya.jpg
Seiya de Pégaso
Perfil
Nome CompletoSeiya
Títulos e ApelidosMatador de Deuses
Pégaso Dourado*
Cavaleiro Lendário
Aniversario/Idade01 de Dezembro; 13 anos*
Signo ZodiacalSagitário
Local de NascimentoJapão (Mundo dos Desenhos)
Altura165 cm
Peso53 kg
Tipo SanguíneoO
RaçaHumano
ClasseSaint*
ArmaduraArmadura de Pégaso
Armadura de Sagitário*
RobeRobe de Odin*
Familia/RelacionadosSeika (Irmã)
Trabalho/OcupaçãoCavaleiro de Bronze
RivalIkki de Fênix*
ArquinimigoSaga de Gêmeos
Poseidon
Hades
Mestre(s)Marin de Águia
Interesse RomânticoSaori Kido
RankS
Estilo de LutaCombate no uso do Cosmo
PoderesCosmo Energia
Energiasコスモ Cosmo
ElementosPhysic.png Físico
Energy.png Energia
Wind.png Vento
Light.png Luz
Franquia OriginalSaint Seiya
Primeira ApariçãoTKOC (01)
Esta página se trata de um personagem de outra franquia; sua história e outros dados abaixo foram modificados para a sua participação na fanfic.
Se você veio até aqui sem querer, não use essa página como base para informações oficiais, e nem reproduza ela em outro lugar com tal intuito.
Use a Saint Seiya Wiki para isso.


"Um deus é tão grandioso assim?... Para um deus, a humanidade é tão insignificante assim?... Mas, a humanidade tenta viver com todas as suas forças... O que são os deuses se eles não protegem aqueles que tentam viver...?!... Perdoando os humanos e reconfortando-os calorosamente... Isso não é um deus?!... A Saori deseja viver conosco... ela acredita em nós!.. O que é um deus que não ama as pessoas?!... Eu não quero um deus que seja assim!... Mesmo que as pessoas sejam estúpidas... e que o destino delas seja a destruição pelas mãos dos deuses... Nem que seja apenas um... Eu vou acertá-lo com o meu golpe... E essa será a prova de que, nesse mundo, a humanidade existiu!"
Seiya

Seiya de Pégaso (天馬星座の星矢 Pegasasu no Seiya) é o protagonista do Anime e Mangá Os Cavaleiros do Zodiaco (Saint Seiya) e é um Cavaleiro de Bronze do século XX/XXI, incumbido com a missão de proteger a deusa Atena.

Ele também foi um dos personagens importante na primeira temporada de The King of Cartoons e junto de Goku é um dos Heróis mais conhecidos no Mundo dos Desenhos.

História

A reencarnação de Tenma de Pégaso, Seiya foi adotado pela Fundação Graad ainda criança e depois de um tempo vivendo com outros órfãos e com a irritante e mimada neta do dono da Fundação, Saori Kido,que ele detestava.Após um tempo, Seiya é enviado para o Santuário de Atena,na Grécia para ser treinado como Cavaleiro.Sem saber, Seiya era um dos cem filhos do dono da fundação, Mitsumasa Kido, o qual lhe prometera que,se voltasse com a Armadura de Bronze de Pégaso, o reuniria novamente a sua irmã por parte de mãe, Seika, de quem fora separado traumaticamente.

Depois de suportar o duro treinamento ministrado pela enigmática Amazona Marin de Águia, ele aprende os mistérios envolvendo a fonte de poder dos cavaleiros, o cosmo. Depois de derrotar 10 canditatos a cavaleiro, o último sendo seu rival Cassios,Seiya conquista a Armadura de Pégaso. A mestra de Cássius, a Amazona de Prata Shina de Ofiúco, ameaça Seiya dizendo-lhe para deixar a armadura no santuário e fugir. Quando Seiya se recusa a desistir da armadura, ela tenta matá-lo e acaba tendo sua máscara arrancada por um dos ataques do cavaleiro de pégaso, sendo que este não sabia que se uma amazona for vista sem máscara ela deve escolher entre matar o homem que viu seu rosto ou amá-lo.

Doze Casas

De volta ao Japão, Seiya reencontra Saori e lhe cobra a promessa feita por seu agora falecido avô. Mesmo depois de anos, os dois novamente se estranham, mas Seiya aceita participar da Guerra Galáctica, torneio reunindo os dez órfãos (dos 100 treinados por Mitsumasa Kido) que conseguiram retornar vivos com suas Armaduras, sob a condição de que ela o ajude a encontrar Seika. O primeiro oponente do jovem é Geki de Urso,e após uma dramatica batalha, Seiya vence o Cavaleiro. Em sua segunda luta no torneio, ele enfrenta Shiryu de Dragão. Após um combate mortal, Seiya vence após ver a falha no golpe Cólera do Dragão, acertando-lhe um soco que faz seu coração parar de bater. Mas, mesmo gravemente ferido, se levanta da maca para ressuscitá-lo com um golpe no lado oposto ao primeiro, o que reanima o coração do companheiro.A partir daí, Shiryu se tornaria seu mais fiel amigo, sempre disposto a se sacrificar por ele. O torneio é interrompido com a chegada de Ikki de Fênix,líder dos renegados Cavaleiros Negros. Fênix rouba a Armadura de Ouro de Sagitário a mando do Santuário.

Seiya, Shiryu, Shun de Andrômeda e Hyoga de Cisne são desafiados e enfrentam seu antigo colega e os Cavaleiros Negros Pégaso Negro, Dragão Negro, Cisne Negro e Andrômeda Negro, descobrindo os trágicos acontecimentos que tornaram Ikki tão cheio de ódio.

Estes acontecimentos fazem os cinco jovens se tornarem cada vez mais próximos vivenciando de perto o drama uns dos outros, enquanto descobrem que tudo foi um plano do pai deles, Mitsumasa Kido, para deter o mal que assola o Santuário onde Seiya foi treinado. O Santuário, por sua vez, interfere mandando um verdadeiro exército para liquidar os Cavaleiros de Bronze, inclusive conhecidos de Seiya como Marin,Shina e Aiolia de Leão. Durante as lutas, é revelado que tudo aconteceu porque Saori é na realidade a encarnação terrena da deusa Atena, entregue aos cuidados de Mitsumasa Kido por Aiolos de Sagitário à beira da morte para que não fosse morta por Saga de Gêmeos, que matou e tomou o lugar do Grande Mestre do Santuário, Shion de Áries. Os cinco percebem que estão predestinados a proteger Saori.

No meio dos combates Seiya é enterrado vivo, quebra um braço, vê seu melhor amigo ficar cego, começa a desconfiar que Marin é sua irmã Seika, e descobre os verdadeiros sentimentos de Shina, que simplesmente tentou matá-lo porque se julgava indigna de seu amor.

Saori decide então ir com seus cavaleiros até o santuário e destronar o falso Grande Mestre. Chegando la, ela é ferida pelo ataque de Tremy de Sagita, Flechas Fantasmas, com uma flecha dourada, que poderia ser removida apenas pelo mestre do santuário e a mataria em 12 horas,o que faz com que Seiya, Shiryu, Hyoga, Shun e Ikki corram contra o tempo para salvá-la. Após mais batalhas mortais, os cinco despertam o Sétimo Sentido (a plenitude do Cosmo) conseguindo momentaneamente lutar de igual para igual com os Cavaleiros de Ouro e atravessando as Doze Casas do Zodíaco.

Na casa de Áries, Mu explica aos cavaleiros de bronze o poder dos de ouro e conserta suas armaduras. Na segunda casa, Seiya desperta por um único segundo seu Sétimo Sentido,sendo capaz de superar a defesa de Aldebaran e quebrar o chifre da Armadura de Touro, desafio lançado pelo dourado para que o deixasse passar. Por desconfiar das verdadeiras intenções do Grande Mestre, Aldebaran não leva sua luta até as últimas consequências, fazendo dela um treino para os cavaleiros de bronze. Na casa de gêmeos, Seiya é facilmente enganado pela ilusão do "labirinto de gêmeos", mas é salvo por Shiryu de Dragão que, por ser cego,não é afetado por ele.

Após lutar com Aiolia (que estava possuído pelo Satã Imperial de Saga), Seiya estava quase morto,quando é salvo por Cassios que, mesmo sem possuir domínio sobre o cosmo, derrota Shiryu (que já havia despertado o sétimo sentido) e Shun, jogando-os escada abaixo e entra na frente de Seiya, não permitindo que Aiolia o acerte novamente, mandando o pégaso fugir dali enquanto segura Aiolia com toda a firmeza, mas Seiya continua em seu lugar. Aiolia consegue se soltar e manda seu Relâmpago de Plasma na direção de Seiya, mas Cassios (talvez despertando seu sétimo sentido) é mais rápido e salta na frente do golpe. Em seguida Seiya, movido pela tristeza da morte de seu rival de infância, desperta o sétimo sentido e derruba Aiolia, que volta ao normal após a morte de Cassios. Em virgem, Seiya, Shiryu, Shun e Hyoga são facilmente nocauteados por Shaka, apenas acordando a tempo de presenciar o sacrifício de Ikki de Fênix.

Em escorpião, Seiya lança seus meteoros contra Milo, conseguindo atingir seu rosto, mas apenas lhe causando um pequeno corte. O cavaleiro de ouro então rebate com um golpe que derruba Seiya, e mesmo reconhecendo que Milo é um adversário extremamente poderoso, Shiryu e Seiya decidem enfrentá-lo unindo seus poderes. Milo usa sua Agulha Escalarte e atinge ambos de uma só vez, fazendo-os agonizar com a dor das picadas. A luta é interrompida por Hyoga, que chega carregando Shun inconsciente nos braços e incita os amigos a resistirem para todos irem juntos ao salão do Mestre. Shiryu e Seiya se levantam e partem para a próxima casa junto com Shun, deixando Hyoga a enfrentar o escorpião. Com a ajuda de seus companheiros, Seiya atravessa as próximas casas sem dificuldade, mas seus problemas recomeçam ao atravessar peixes.

A escada que liga a casa De peixes ao salão do Grande Mestre é revestida de Rosas Diabolicas Reais, nas quais Seiya vai perdendo seus cinco sentidos pouco a pouco até ser salvo por Marin de Águia, que tira sua máscara e a coloca no rosto de Seiya para protegê-lo do perfume venenoso das rosas e o carrega pelo caminho. Aos poucos, Seiya se recupera, mas Marin não resiste às rosas e desmaia. Sabendo ser o único que resta e vendo tanta gente se sacrificar para ajudá-lo, Seiya acende seu cosmo e com um golpe, limpa o caminho até o salão do Mestre. Shina também chega ao local e diz a Seiya para prosseguir, e que ela cuidaria de Marin.

Seiya finalmente chegar ao salão do Mestre. Ao contrário das expectativas, o mestre o recebe mostrando seu rosto: era Saga, o cavaleiro de ouro de gêmeos. Demonstrando admiração por Seiya e arrependimento pelos atos que cometeu, ele diz que não poderia ajudar Atena. Achando que Saga estava mentindo, Seiya lhe desfere um golpe e se impressiona ao ver o mestre chorando, mesmo sem tê-lo ferido. Saga explica a Seiya que, atravessando o salão, ele encontrará uma estátua de ouro de Atena. Na mão direita ela segura Nike, a Deusa da vitória e na outra mão Aegis, o escudo da justiça, que a defende de todo o mal, e que ele precisava direcionar o escudo em direção a Atena, para tirar a flecha de seu peito. Sem entender muito bem o que se passa, Seiya se dirige à estátua. De repente o mestre, despertando seu lado maligno, golpeia Seiya violentamente.

Enquanto isso, Marin recobra a consciência e conta a Shina que ela fora a Starhill, um alto e íngreme pico que mesmo os cavaleiros mais poderosos tem dificuldade em escalar, que os mestres do santuário usam como oráculo e local de meditação. Lá ela encontrou o corpo do antigo mestre (Shion de Áries no mangá, Arles no anime) morto a mais de treze anos. No salão, Seiya tenta golper Saga com seu Meteoro de Pégaso, mas o golpe nem mesmo arranha o cavaleiro. Ele invoca sua Armadura de Gêmeos e tenta jogar Seiya em outra dimensão, mas começa a passar mal quando seu lado bom tenta impedir o Saga maligno de agredir Seiya, mas o mestre reage e começa a atingir Seiya novamente, dando-lhe uma verdadeira surra enquanto remove seus cinco sentidos com golpes na velocidade da luz.

Em Áries, Mu sente um cosmo lhe chamar. Era Shaka de Virgem, que lhe pede para ajudá-lo a sair da estranha dimensão em que ele estava com Ikki. Com seus poderes sobrenaturais, Mu faz com que Shaka e Ikki voltem à casa de Virgem e à vida. Shaka ajuda Ikki por ter sentido dúvida a respeito de suas crenças e o manda ir ajudar Seiya, pois ele iria em seguida com os Cavaleiros de Ouro. Seiya continua lutando contra Saga e aumentando seu cosmo, conseguindo derrubá-lo, mas o mestre se recupera e atinge Seiya novamente. A face da justiça do elmo de duas faces de Gêmeos começa a chorar, quando Saga ia dar o golpe fatal em Seiya. A face da justiça do elmo de duas faces de gêmeos começa a chorar, quando Saga ia dar o golpe fatal em Seiya. De repente, chega Ikki e consegue detê-lo.

Sem os cinco sentidos, Seiya têm dificuldades para chegar à estátua e ao escudo, mas o cosmo de Atena o guia. Ikki enfrenta Saga numa luta terrível para dar tempo a Seiya, que quase sem forças alcança finalmente a estátua de Atena. Para poder ir atrás de Seiya, Saga faz o salão desmoronar sobre Ikki. Seiya consegue pegar o escudo, e a luz do sol refletida nele faz com que a flecha e o ferimento de Saori desapareçam, fazendo com que a jovem retome seu lugar de direito no Santuário. Essa verdadeira guerra entre os cavaleiros causou diversas baixas, além de deixar Seiya, Shiryu, Shun e Hyoga em coma e Ikki desaparecido.


Poseidon

Aproveitando-se disso o deus dos mares, Poseidon,inimigo mitológico de Atena, resolve atacar. No anime ele domina a regente de Asgard, Hilda de Polaris, com o Anel de Nibelungo, com o objetivo de derreter os pólos e inundar a Terra.Já recuperados, o quinteto de bronze, com suas armaduras revividas pelo sangue dos Cavaleiros de Ouro sobreviventes, vai até a gelada Asgard enfrentar os Guerreiros Deuses de Asgard. Porém, Poseidon sempre soube do resultado deste combate em favor dos Cavaleiros de Atena e, quando este chega ao fim e Hilda é libertada, os mares tragam Saori, sob suas ordens, para o seu Santuário Submarino.

Debaixo d'água, Saori descobre que Julian Solo, um antigo pretendente, era a reencarnação Poseidon e queria "limpar" Sekai da podre humanidade e refazer o mundo do zero. Ele a convida para juntar-se a ele, mas ela se recusa e é trancada no Pilar Central, que é inundado com toda a água que ele jogaria na Terra, adiando assim o fim da humanidade. Seiya, Shiryu Hyoga, Shun e Ikki mais uma vez vão salvá-la, e também ao mundo, derrubando os Sete Pilares dos Sete Mares com ajuda das Armas da Armadura de Libra e derrotando seus guardiões, os Generais Marinas. No meio do caminho eles descobrem que Poseidon estava sendo manipulado por Kanon de Cavalo Marinho, irmão gêmeo de Saga, que controlava Poseidon, mantendo-o semi-adormecido dentro do corpo de Julian Solo. Porém o decorrer dos combates faz com que o espírito do deus vá se despertando e se tornando cada vez mais poderoso. Juntos Seiya (usando a Armadura de Sagitário), Hyoga (usando a Armadura de Aquário) e Shiryu (usando a Armadura de Libra) o detêm momentaneamente, mas não conseguem destruir o Pilar Central onde Atena, confinada, está prestes a morrer afogada. Num ato de desespero para salvá-la Seiya pede que Shiryu e Hyoga o arremessem com seus golpes mais poderosos contra o Pilar. Diante de Poseidon, Seiya é atirado como uma bala humana de cabeça e coloca o último e mais poderoso Pilar abaixo. Consequentemente o Santuário Submarino de Poseidon começa a ser alagado pelas águas enquanto Seiya, cambaleante, carrega Saori dos destroços. E ela, usando a Ânfora de Atena, prende o espírito do deus dos mares, libertando Julian Solo e salvando seus cavaleiros da inundação.


The King of Cartoons

Após a morte do antigo Rei dos Desenhos Jin, o vilão Maker que estava dominando boa parte do Mundo dos Desenhos chegou a enfrentar Seiya e selou boa parte do potencial do cavaleiro.

Junto de Goku, Seiya é chamado para a Torre dos Barões onde se encontrava os Barões Mickey e Pernalonga junto de Saori Kido, para presenciarem a escolha do novo Rei dos Desenhos: Vinix.

Goku e Seiya receberam a missão de acompanhar Vinix a uma jornada até o castelo de Maker, onde no decorrer do tempo ensinariam ao garoto como se defender e ficar cada vez mais forte.

Hades

Após algum tempo Hades, o deus dos mortos, desperta após 250 anos para sua Guerra Santa contra Atena.Ele ressucita alguns Cavaleiros da inimiga para, ao lado de seus espectros, invadirem o santuário para arrancar a cabeça da deusa. Após mais uma luta sangrenta nas Doze Casas, Saori se suicida,para desespero de Seiya. Logo ele e seus amigos descobrem,através de Shion de Áries,que os cavaleiros ressuscitados apenas tinham tentado avisar Atena sobre o Arayashiki, o Oitavo Sentido, que seria necessário para chegar vivo ao Mundo dos Mortos e enfrentar Hades pessoalmente.

Com sua curta ressurreição chegando ao fim e, antes de deixar morrer, Shion confia aos cavaleiros a Armadura de Atena, a qual ela precisará para enfrentar seu inimigo e revitaliza suas armaduras com o sangue da deusa. Seiya e seus amigos vão até o Castelo de Hades na Alemanha.E com ajuda de Dohko de Libra, (até então chamado de Mestre Ancião de Libra), eles despertam o Oitavo Sentido e descem literalmente até as profundezas do Inferno, que abrange uma grande parte do Mundo dos Mortos.

Seiya, ao lado de Shun, atravessa os domínios de Hades confrontando seus comandados em meio a cenários de dor e sofrimento, mas recebendo a valiosa ajuda de Kanon (que passara a servir Atena e adotara a Armadura de Gêmeos de seu irmão Saga) e Orfeu de Lira (Cavaleiro de Prata que havia deixado de servir Athena para reencontrar sua amada morta, mas fora enganado por Pandora). Com ajuda dele, Seiya e Shun pensam terem encontrado Hades, que tem a mesma aparência de Shun. É quando eles são atacados por Radamanthys de Wyvern, um dos Três Juízes. Em meio à confusão Orfeu morre e Seiya descobre que o verdadeiro Hades sempre esteve dentro de Shun desde que Pandora encontrou ele e Ikki ainda crianças. Seiya é levado para Cocyto, a Prisão de Gelo Infernal reservada aos que se viram contra os Deuses enquanto Ikki surge para ajudar o irmão, e Hades revela que realinhou os planetas do sistema solar para criar um eclipse que acabaria com a vida na Terra, transformando-a num mundo de trevas eternas similar a seu mundo. Ao contrário de Poseidon, que queria reiniciar a vida na Terra com uns poucos escolhidos, Hades queria que todos morressem pois odiava os humanos que Atena tanto defendia. Shun tenta controlar Hades para que Ikki possa matá-lo e deter o eclipse, mas Fênix não consegue sacrificar seu amado irmão e também é aprisionado e levado à Cocyto.

Após acordar enterrado até o pescoço no Inferno de Gelo de Cocyto, Seiya consegue sentir a aproximação de Saori, escoltada por Shaka de Virgem. Ela confronta Hades e liberta Shun, seguindo seu inimigo para além dos limites do Inferno, nos Campos Elíseos. Seiya consegue abrir caminho até onde Saori estava e reencontra Shun, libertado, e Shaka, mas descobre que para encontrar Athena era preciso atravessar o Muro das Lamentações. Isso é possível graças a união dos Cavaleiros de Ouro, vivos e mortos, que desaparecem usando suas últimas energias para que os Cavaleiros de Bronze cheguem até Atena. Seguindo a abertura feita no Muro eles atravessam uma dimensão inóspita protegidos pelo sangue de Atena em suas armaduras, enquanto atrás deles, os últimos Espectros vão caindo. Seiya é o primeiro a chegar aos Campos Elíseos, e encontra os deuses gêmeos Hypnos e Thanatos, respectivamente os Deuses da Morte e do Sono, que protegem o verdadeiro corpo de Hades. Hypnos revela que Saori estava presa num grande vaso que sugava todo seu sangue. Seiya tenta ir até lá e Thanatos luta com o Cavaleiro de Pégaso, destruindo sua armadura, além de tentar matar sua irmã Seika, que tinha acabado ser localizada por Marin na Terra.

É quando Shiryu, Shun, Hyoga e Ikki chegam para ajudar o amigo e também são massacrados pelo Deus. Na Terra, Poseidon usa os últimos resquícios de seu domínio sobre Julian Solo para enviar as Armaduras de Ouro para o quinteto de bronze. Além de Seiya vestir a armadura de Sagitário, Hyoga a de Aquário e Shiryu a de Libra, Shun coloca a de Virgem e Ikki a de Leão. Porém, Thanatos mostra todo seu poder divino e destrói com um só golpe as cinco armaduras. Em meio ao desespero, Seiya ouve os apelos de Saori e de sua irmã, que ele não ouvia a tanto tanto tempo, e ousa se levantar contra o Deus da Morte mais uma vez. Desta vez seu Cosmo aliado ao sangue sagrado de Atena transforma sua destruida Armadura de Pégaso em uma Kamui, que são as armaduras vestidas pelos deuses olímpicos.

Hypnos tenta avisar Thanatos que a mudança de Seiya foi além da transformação da armadura, mas ele não lhe dá ouvidos e é ferido por Pégaso. Seiya, com pressa, atinge Thanatos com o máximo de força e faz o impossível, matando o deus. Em seguida Seiya ignora Hypnos e parte para levar a Armadura de Atena para a mesma. Enquanto isso os demais cavaleiros seguem seu exemplo e também transformam seus trajes em Armaduras Divinas, liquidando Hypnos. Em outro ponto dos Elíseos Seiya e Ikki (que também consegue ter sua Armadura Divina graças ao sangue de Athena que escorria do Grande Jarro) despertam o verdadeiro corpo de Hades. Mesmo com armaduras mais poderosas, os dois não conseguem nem arranhar Hades, que está no auge do poder. Shiryu, Shun e Hyoga chegam para ajudá-los. Os cinco se unem, mas mesmo assim são facilmente rechaçados por Hades. Este, por sua vez, olha de forma diferente para Seiya e, preocupado, recorda-se que, no passado fora ferido por Pégaso, e desde então passou a tomar corpos de humanos como hospedeiros em todas as suas encarnações. É quando Saori consegue se libertar após vestir sua sua armadura, e enfrenta Hades, protegendo os cinco cavaleiros em esferas de energia. Mas nem ela parece ser páreo para o Deus. Vendo-a em perigo, Seiya destrói sua esfera de proteção e se lança entre eles golpeando Hades e atirando-o longe. Todos comemoram o feito, porém quando olham de volta veêm a Espada de Hades atravessada no peito de Seiya. O Cosmo do Cavaleiro de Pégaso desaparece. Hades se recompõe e debocha da dor deles. Shiryu, Hyoga, Shun e Ikki queimam seus cosmos ao máximo e os unem ao de Atena que transpassa Hades com o Cetro da Vitória. Em seguida, os Campos Elíseos, o Inferno e todo o Mundo dos Mortos começa a se desvanecer.

Tempos depois é revelado que Seiya sobreviveu, mas ficou preso a uma cadeira de rodas e catatônico, além de estar sob efeito de uma misteriosa maldição de Hades. Tudo isso faz com que necessite dos cuidados de Saori, que se isolou com ele numa casa.


The King of Cartoons Maximum Impact 2

Seiya ainda está em estado catatônico sendo cuidado por Saori. Os dois recebem a visita de Ingrid e Melody.

Ingrid nota a determinação de Saori em salvar Seiya e diz a ela que em breve Vinix precisará de Seiya para uma futura e perigosa batalha.

Poderes e Habilidades

Seiya tem uma ótima força física graças a seu treinamento como cavaleiro. Seu potencial aumenta conforme eleva seu cosmo.

  • Meteoro de Pégaso - O Cavaleiro lança socos ou chutes capazes de atingir o inimigo cem vezes por segundo, parecendo meteoros, podendo até mesmo atingir o inimigo a longas distâncias. Quanto maior seu cosmo mais meteoros pode desferir.
  • Turbilhão de Pégaso - Golpe no qual Seiya agarra o oponente, e logo em seguida envolvendo os dois por uma poderosa energia, salta girando no ar projetando toda esta energia contra o inimigo e lançando-o para o chão com uma violenta força.
  • Cometa de Pégaso - O Cavaleiro de Pégaso concentra a força de cem meteoros em seu punho formando um imenso cometa e se lança contra o inimigo; em fração de segundos, uma bola de cosmo similar a um cometa surge para atingir o oponente.

Transformações e Formas

A Armadura de Pégaso (ペガサス の クロス, Pegasasu no Kurosu) é uma das 88 Armaduras de Atena, cujo propósito é proteger os cavaleiros que servem a deusa protetora da Terra. Pertence à classe das Armaduras de Bronze, a mais baixa dentre as armaduras sagradas. Representa a Constelação de Pégaso, cujo símbolo é um cavalo alado.

Armadura de Pégaso (Versão Original)
Seiya V1.jpg

É a primeira versão da armadura de Pégaso que Seiya veste (Equivalente as 3 primeiras versões do Mangá).

Possui uma proteção completa nas pernas e na cintura, além de contar com um grande elmo. A primeira vez que usou a armadura no anime, ele estava com uma faixa vermelha no antebraço esquerdo, depois a partir dai ele não precisava mais da faixa até enfrentar Hades. A faixa no antebraço aparecia repetidas vezes quando executava os Meteoros de Pégaso, mas de cor diferente.

No início, suas asas reais apareciam na armadura. Depois da primeira restauração, com o sangue de Shiryu, ficou mais resistente que o normal, resistindo as inúmeras batalhas. Depois de lutar contra Misty de Lagarto e Mouses de Baleia, aparecem asas reais, porém com mais movimentos.

Na Batalha das Doze Casas, Mu deixou a armadura extremamente forte, sendo que esta resistiu até os finais da Batalha das Doze Casas.

Armadura de Pégaso (Segunda Versão)
Seiya V2.jpg
Esta armadura ganhou esta forma graças ao sangue dos cavaleiros de ouro depois da morte de Saga de Gêmeos. Por ter sido restaurada com o sangue de um Cavaleiro de Ouro ela acaba adquirindo habilidade de se tornar, temporariamente, uma armadura dourada. Aparentemente, no estado normal, continua com a mesma resistência que teve durante a Batalha das Doze Casas, sobrevivendo as lutas em Asgard e contra Poseidon. Na saga de Hades, Seiya aparece com sua armadura na versão danificada, em que ele aparece com as faixas no antebraço.

Armadura de Pégaso (V2. Dourada)
Seiya V2 Gold.png

Por ter sido restaurada com o sangue de um Cavaleiro de Ouro ela acaba adquirindo habilidade de se tornar, temporariamente, uma armadura dourada. Esta forma é atingida quando o cosmo do cavaleiro chega a um nível praticamente equivalente a de um cavaleiro de Ouro.





Armadura de Pégaso (Terceira Versão)
Seiya V3.png

Após a batalha entre os Cavaleiros de Ouro na Saga de Hades, Shion de Áries repara a Armadura de Pégaso usando o sangue de Atena, fazendo-a evoluir para a sua forma final.

Aparentemente, continua com a mesma resistência que tinha na batalha contra Poseidon e ainda possui a propriedade de se tornar dourada como na luta contra Radamanthys. Quando Seiya atravessa a Hiper Dimensão rumo aos Elíseos, aparece também asas avulsas na armadura devido ao sangue de Atena, até Thanatos tirar isso dele.

Armadura de Pégaso (V3. Dourada)
Seiya V3 Gold.png

A terceira versão continua com sua capacidade de se tornar dourada temporariamente graças ao sangue dos cavaleiros de ouro usado para a transformação da Versão 1 para a Versão 2. Ela chega a essa forma quando o cosmo do cavaleiro chega a um nível praticamente equivalente a de um cavaleiro de Ouro.



Armadura de Pégaso (Quarta Versão)
Seiya V4.png

Supostamente nos créditos finais do Prólogo do Céu, Seiya ganharia uma nova forma da armadura de Pégaso por meios desconhecidos, sem nenhuma outra informação.






Armadura Divina de Pégaso
Seiya Kamui.png
A armadura de Pégaso consegue evoluir para este estágio superior durante as ultimas batalhas contra Hades e seus subordinados. É significativamente diferente das versões anteriores, visto que ela agora possui muitos adornos e detalhes, bem como completa proteção para os braços, uma tiara maior e mais detalhada e por ultimo mas não menos importante, enormes asas nas costas. Essa armadura da a total capacidade de poder enfrentar deuses, embora ainda possa ter dificuldades com deuses mais poderosos como Hades.

A Armadura de Sagitário (射手座のクロス, Ite-za no Kurosu, lendo-se サジタリアスのクロス, Sajitariasu no Kurosu) é uma das doze Armaduras de Ouro, as mais poderosas do exército de Atena.

É conhecida por seu poderoso Arco e Flecha. É dito que a Flecha Dourada só pode ser apontada para um verdadeiro mal, e que ela nunca se voltará contra a justiça. Prova disso é que o seu poder já conseguiu destruir deuses maléficos, um terrível monstro, e, reunindo os cosmos dos demais Cavaleiros de Ouro, conseguiu derrubar o Muro das Lamentações. Há casos em que o seu poder é canalizado nos cosmos das pessoas ao seu redor.

Armadura de Sagitário (Versão Original)
Seiya Sagitario.png

Ela possui a forma de um centauro segurando um arco e flecha. Essa versão não possui um capacete, mas sim uma tiara. Essa versão possui asas, um tom mais dourado, traços mais simétricos e um pouco largos.

Seiya a usa pela primeira vez, poucos momentos antes da aparição de Aiolia, onde a Armadura sai da urna e revela sua forma verdadeira, o ajudando muito na luta contra Aiolia. Seiya utilizou tal armadura várias vezes para enfrentar deuses poderosos.

Armadura de Sagitário (Versão Cloth Stone)
Seiya de Zapdos.png

A armadura de Sagitário, assim como todas as outras armaduras de ouro, sofre uma transformação durante o final da primeira guerra entre Atena e Marte, quando Atena usa seu cosmo para bloquear o meteoro das trevas enviado ao campo de batalha pelo deus Apsu. A ressonância do cosmo de Atena com o meteoro causa uma mudança em quase todas as armaduras. Seiya, que trajava a armadura de Sagitário original na batalha, ver sua armadura transformada para a nova forma durante o clímax do conflito.

Além da mudança visual, a armadura de Sagitário ganha o poder dos elementos, ampliando o poder de cavaleiros capazes de controlar elementos. Além disso, não é mais guardada nas antigas caixas de Pandora, mas nas pequenas Cloth Stones. A armadura é vestida oficialmente por Seiya, que a empresta para Kouga para que possa derrotar Apsu.

Armadura de Sagitário (Segunda Versão)
Seiya de Mega Zapdos.png

No segundo arco da Saga da Guerra contra o exército da deusa Pallas, quando Seiya encontra-se diante de Titan, queimando seu cosmo com determinação, a armadura de sagitário, devido ao sangue da deusa Atena que recebeu, assim como os cinco cavaleiros fizeram nos Campos Eliseos na Saga de Hades ao restituírem suas armaduras de bronze para Armaduras Divinas, responde ao seu poder e transforma-se para uma nova forma. A Cloth Stone é destruída com o nascimento dessa versão da armadura, que volta a ser armazenada numa Caixa de Pandora.

A resistência da armadura de Sagitário renascida está num nível inteiramente diferente das armaduras de ouro convencionais. Equipara-se, ou até mesmo supera, o Genesistector de Titan, que é considerado três vezes mais poderoso que uma Armadura de Ouro convencional. A armadura de Sagitário nessa forma recebe golpes do Titan, que facilmente perfurou uma armadura de ouro formato Cloth Stone, sem sofrer nenhum dano visível.

Robe de Odin
Seiya Odin.png

O Robe de Odin é uma das Robes Divinas usadas pelos Guerreiros Deuses de Asgard, aparece durante o final da Saga de Asgard, quando Seiya reune as sete Safiras de Odin a invocando e vestindo para dar fim as ambições de Hilda, liberando-a do controle de Poseidon. Ela tem um poder equivalente a uma kamui.

  • Arma:
Espada de Odin (オーディンの剣; Ōdin no ken): A espada do Robe de Odin. É extremamente poderosa, em algum momentos é chama de Espada Balmung, que era a espada de Siegfried na Mitologia Nórdica. Foi forjada por Wayland, o ferreiro, e pertencia originalmente ao seu pai, Sigmund, que a recebeu no salão de Volsung, após ser retirada do tronco no qual Odin a cravou, e ninguém mais conseguia retirar. Foi destruída e reforjada. Após ser reforjada partiu a bigorna no meio.

Estilo de Luta

Seiya luta utilizando sua força física graças a seu treinamento na Grécia, e assim como outros Cavaleiros de Atena, faz uso do Cosmo para utilizar os ataques especiais de sua constelação.

Musicas

Temporadas que apareceu

Memorable Quotes

  • "Você não compreende! É você que não tem esse direito! Você apenas adquiriu superficialmente o poder destrutivo dos Cavaleiros! Mas alguma vez você já sentiu a força do Universo percorrer até a última célula do seu corpo?!"
  • "Mais um Cavaleiro perdeu a sua vida hoje... foi para isso que nos tornamos Cavaleiros?..."
  • "Cicatrizes são marcas da coragem... são verdadeiras medalhas da coragem! Como é que você que não conhece a dor, pode ter orgulho de sua vitória?!"
  • "Pra ser sincero, eu gostaria de levar tudo na brincadeira, como os outros fazem... só que eu tenho coisas mais importantes para fazer antes de levar uma vida assim... é uma coisa da qual eu não posso fugir, é o meu destino e eu devo seguí-lo, eu não posso mudar isso... Uma vez a Saori disse que todo ser humano deve viver de acordo com as estrelas sob as quais nasceu... Alguns nascem sob estrelas de sorte... outros sob estrelas de azar... mas eu só posso dizer que eu farei o possível, sejam quais forem as minhas estrelas... Na verdade eu não tenho medo que me matem e nem tenho medo de ficar ferido em alguma batalha, eu devo ser valente por vc e por todos os garotos deste orfanato... eu sinto muito que vc não concorde, Mino... Eu tenho outra missão importante, Mino, eu preciso encontrar minha irmã e tenho que fazer isso antes de qualquer outra coisa, além disso vc pode ter certeza de que eu voltarei vivo..."
  • "Nós sempre lutamos até mal conseguirmos ficar em pé... Perdemos muitos aliados que se sacrificaram... Um pouco... pouco a pouco... Tentando seguir adiante... Foi essa motivação que fez com que milagres acontecessem... Nós aprendemos isso por nós mesmos... Lutando com os nossos aliados e junto com Athena... Nós lutamos para proteger Athena."
  • "Eu não entendo... Como é o mundo que os deuses querem criar?... Como é que os deuses vêem o mundo?!... Deuses... deuses... Afinal, os deuses... o que são?!"
  • "Saori, pare com isso... Eu não aguento ver você se machucando... E... para que você não precise fazer isso, é que nós existimos... Finalmente eu encontrei você Saori.... Esses ferimentos não são nada... Não importa o que aconteça, eu vivo por você, Saori... Nem que, para isso, o mundo se torne meu inimigo... Por isso, nem que os adversários sejam os deuses, eu não hesitarei."
  • "Saori... Eu não luto porque você me ordena... Eu luto, porque eu quero lutar por você."

Trívia

Advertisement